terça-feira, 23 de setembro de 2008

Como eu conheci a Sarah Jessica Parker

Esta história é pura verdade, quem estava comigo pode prová-lo (há fotos a provar, das que foram reveladas de rolo, não das digitais).

Sempre quis contar esta hitória:

A 1ª vez que fui a Nova Iorque, na Páscoa de 1998, vi, ao longe, já quase a chegar ao Central Park, em frente ao antigo Plaza Hotel, onde agora está a loja maravilhosa da Apple, uma equipa de filmagens (que em NY é tipo de 500 em 500 metros) e digo pra mim: "aquela parece-me a Sarah Jessica Parker" ao que as minhas amigas respondem, "quem?" Sim, meninas eu sou uma chata, conheço esta malta toda do cinema independente... Esta actriz entrou no último do Tim Burton, no Marte Ataca, também entrou no Ed Wood, era precisamente aquela que fazia de mulher do Ed Wood. Não tive qualquer reacção à minha explicação...
Muito rapidamente me aproximo do segurança, em vez de estar quieta no meu sítio, e pergunto: Olhe ó fáxavor! O que é que estão aqui a filmar? O gorila responde "Sex and the City" e eu "ah... não conheço... é um filme?" E ele: "Não, é uma série (sua gradessíssima burra!) and it's huge here in the states! A 1ª série estreou aqui há pouco tempo e foi um sucesso! A série não passa na Europa?"
E eu, pequenina, mirradinha, formiguinha, tuga de 3ª Categoria, digo "não Senhor, não passa, mas vou ficar atenta...".
O resto é História (sim História com H maiúsculo as in History, não história as in "Story").

Foi amor eterno e à primeira vista e para todo o sempre...

3 comentários:

Carlos Teles Grilo disse...

Parece que esta história fantástica foi já apreciada na Pipoca!!!!

Deliciosa!!!

Fofocas disse...

Ai o brincalhão!!!! Também te vou acrescentar à minha lista! ;-)

Myosotis disse...

Muito louca esta história!!!

Beijinhos